domingo, 27 de agosto de 2017

☜♡☞...O APRENDIZADO DA SAUDADE...☜♡☞



Aprendei a desfrutar da saudade.

Porque não vos deveis recordar do passado com a frustração da perda,
mas com a alegria do encontro.
E, decerto, nada ou ninguém perdestes,
que por um tempo não tenha feito parte da vossa vida.

Ninguém perde, senão aquilo que já foi seu.
E nada ou ninguém o destino vos leva,
que não tenha trazido aos vossos caminhos.
Comemorai, pois, a chegada,
em vez de lamentardes a partida.

Não é a ausência de hoje,
que deveis procurar na saudade;
mas a presença de ontem.
Porque a primeira vos fará sofrer,
enquanto a outra será o vosso conforto,
quando tristes e sós vos sentirdes.

Guardai-vos de lastimar porque se foi a juventude;
recordai, antes,
os vossos amores e
as vossas brincadeiras daqueles tempos.
Assim a tereis de volta,
superando os achaques e as dores da velhice.

Não lamenteis os seres amados que se foram;
estarão ao vosso lado, enquanto deles conservardes
as melhores lembranças.
Cada um dos vossos amores viverá,
enquanto estiver vivo em vós.

Esta é a lição:
o que existe, para vós, é o que existe em vós.
Se alimentais a tristeza,
por certo ela vos dominará; se, entretanto,
optardes por conviver com a alegria,
é ela que seguirá convosco.

Se vos entregais ao desânimo,
vereis que ele crescerá, até tolher os vossos passos.
Se, porém, escolheis a esperança,
ela vos acolherá em seus braços e
suas asas vos levarão muito mais longe.

Afastai de vós a sensação de solidão e perda que,
muitas vezes, vos desperta a saudade;
buscai, antes,
o conforto de através dela reviver emoções que
ao longo do tempo aqueceram a vossa alma.

Vivei, intensamente,
cada um dos vossos momentos;
assim eu vos tenho dito.
E, se o fizerdes,
descobrireis que as suas lembranças estarão
enraizadas em vossos corações por todo o tempo.

Em verdade,
nada ou ninguém que exista neste mundo vos pertence;
a tudo e todos aqui deixareis, quando vos fordes.
Entretanto, as recordações são vossas;
e estas, sim, levareis para sempre.

Aprendei, portanto, a conviver com a saudade.
Porque nenhum homem que caminhe sobre a terra
chegará ao fim do percurso sem encontrá-la
em seus caminhos e experimentar o seu abraço.

Não deveis temê-la, porém.
A saudade não é vossa inimiga,
mas a ferramenta de que dispondes para
viajar pelo passado e
aprender com vossos erros e acertos;
com vossas dores e alegrias.

Vivei os vossos momentos e os vossos amores,
sem temer a saudade que amanhã vos poderão trazer.

Acreditai-me:
ruim não é sentir saudade,
mas passar pelo mundo sem emoções e lembranças.
Sem algum motivo para sentir saudade.


__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

☜♡☞..NAS LENTES DA ALMA..☜♡☞



Reside toda natureza humana...
Reside a minha verdade...
Essência pura de minha alma...

Num movimento constante...
Sou peregrina de mim a buscar...
Diferentes expressões...

No refugio de meu interior...
Encontro o desapego e a humildade...
Em versos ternos de transparência e amor...

E assim nessa viagem tento buscar...
A harmonia e a coragem...
Sentindo no coração toda emoção da vida...

Ouvindo a nova canção na onda que bate...
Quando em silencio o sopro do vento é forte...
Na expressão da imagem...

O anjo da guarda é luz...
Os silvos e fadas...
Protegendo nosso dia-a-dia...

No plano da alma...
Onde desejos e vontades...
São presentes onde o amanhecer nos inspira...
A fazer poesia com os olhos da alma...


__Vania Staggemeier__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

☜♡☞..."A CANÇÃO DA ESPERANÇA"...☜♡☞


Momentos existem em que o desânimo nos visita.

Pois,
assim como a lua não pode estar cheia todo o tempo,
nem o vento soprar sem descanso,
não é possível ao homem acreditar sempre e
deixar-se sempre carregar pelas asas dos sonhos.

É possível que, vez por outra,
os pés que se mostram alados voltem a pisar sobre o solo;
e, mais do que isto,
que os obstáculos pareçam intransponíveis e
encubram todo a linha do horizonte.

Se assim não fosse, não seríamos humanos;
nem necessitaríamos caminhar sobre a terra.
O corpo é, para o espírito,
como o casulo que abriga a crisálida até que
se torne borboleta e possa voar.

Esta é a verdade que devemos ter em mente,
durante a noite mais fria e escura:
o dia decerto voltará, com o seu calor e a sua luz.
Tudo que precisamos é atravessar a noite,
até que raie o sol.

Abençoada seja, portanto,
a esperança que nos faz seguir em frente,
ainda que o caminho pareça estreitar-se;
abençoada seja a força que sustém os nossos passos,
por mais cansados que estejam.

Porque desanimar não é a resposta,
entregar-se não é o caminho.
O navegante que mais aprende sobre o mar
não é o que permanece ao abrigo da enseada,
mas o que se aventura no alto oceano.

E, enquanto o primeiro jamais terá
uma visão mais ampla do mundo,
ao segundo caberão as grandes aventuras e
as grandes descobertas;
porque, se o medo nos mantém presos,
a coragem nos liberta.

Acendamos um fósforo e
a escuridão se dissipará ao nosso redor;
forcemo-nos a dar mais um passo e
a viagem prosseguirá.
Acreditemos e a luz da nossa confiança
iluminará o caminho a seguir.

Sempre existirão os caminhos,
enquanto formos capazes de caminhar.
Depois de cada calmaria ou cada vendaval,
a brisa voltará a acariciar os nossos cabelos;
secas as lágrimas, tonaremos a sorrir.

Quanto mais alta e escarpada for a montanha,
mais bela e abrangente será a paisagem vista do seu topo;
quanto mais profundo o abismo,
mais segura a ponte que construiremos sobre ele.

Quanto mais roseiras semearmos no jardim,
mais agradável será o seu aroma,
quando sobrevier a floração;
quanto mais pedras no caminho,
mais fácil espalhá-las para pavimentar o nosso chão.

Acreditar é preciso.
Estar sempre pronto a amar novamente,
ainda que a desilusão nos faça chorar;
confiar mais uma vez, andar mais uma vez,
sorrir mais uma vez, tentar mais uma e outra vez.

Sim;
momentos existem em que o desânimo nos visita.
Como, por vezes,
nuvens negras conseguem esconder,
por alguns momentos, o azul do céu.
Mas logo o vento as afasta e
o sol volta a brilhar.

Para iluminar o nosso caminho.

__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

☜♡☞...A BELEZA DA ALMA...☜♡☞



A jóia da alma adorna o corpo
A roupa íntima veste o coração
A leveza do amor transpira emoções
Nas mãos que lutam
Para escrever sua história...

A vida exala pelos poros
O calor dentro do peito
Aquece o corpo
Para notarmos quão precioso é viver
Na proporção de cada intensidade!

Poder sentir em nossos arredores
O verde da esperança
O colorido de magias
Na arte pintada no universo
Com certeza é um privilégio imensurável.

Uma tela de olhares
Entre milhões de transeuntes
Numa captação de energias
Soltas no ar

Respirar o mesmo ar
Sentir o mesmo perfume
Em fragrâncias diferentes
Extrair o sentido das coisas
Para absorver a essência
Só a alma é capaz
De explorar magnitudes
E colher flores entre os espinhos...

Através da alma
Fazemos viagens etéreas
E em cada estação
Vemos os trilhos do tempo
Passando pela janela do conhecimento...

A juventude ilumina a terra
Para a maturidade encontrar a luz
Que passa por vários caminhos
Até avisar a saída
Do amadurecimento do espírito!

Esta é a alma beleza viva
Que não perde a aparência
Pelo envelhecimento
Porque sobrevive de cada ano que passa
Tornando-se plena e absoluta
Numa imagem superiormente linda!

__Regilene Rodrigues Neves__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞....☜♡☞

domingo, 6 de agosto de 2017

☜♡☞...O SILÊNCIO DA ALMA...☜♡☞



Lembre-se:
Os silêncios mantêm os segredos,
portanto, o som mais doce é o som do silêncio.
Essa é a canção da alma.

Alguns escutam o silêncio na oração,
outros cantam a canção em seu trabalho,
alguns procuram os segredos na contemplação tranquila.

Quando se alcança a maestria,
os sons do mundo se apagam,
as distrações se aquietam.

Toda a vida se transforma em meditação.

Tudo na vida é uma meditação na qual se pode
contemplar o Divino e vivendo dessa forma,
aprendemos que tudo na vida é bênção.

Já não há luta, nem dor, nem preocupação.

Só há experiência.

Respira em cada flor, voa com cada pássaro,
encontra beleza e sabedoria em tudo,
já que a sabedoria está em todos os lugares
onde se forma a beleza.

E a beleza se forma em todas as partes,
não há que procurá-la, porque ela virá a ti.

Quando ages nesse estado,
transformas tudo o que fazes numa meditação
e assim, num dom,
num oferecimento de ti para tua alma e
de tua alma para o Todo.

Ao lavar os pratos desfruta do calor da água
que acaricia tuas mãos.

Ao preparar a ceia sinta
o amor do universo que te trouxe esse alimento e,
como um presente teu ao preparar essa comida,
derrama nela todo o amor de teu ser.

Ao respirar, respira longa e profundamente,
respira lenta e suavemente,
respira a suave e doce simplicidade da vida,
tão plena de energia, tão plena de amor.

É amor de Deus o que estás respirando...

Respira profundamente e poderás senti-lo.

Respira muito, muito profundamente e
o amor te fará chorar de alegria.

Porque conheceste teu Deus e
teu Deus te presenteou com tua alma.

Faz da tua vida e
de todos os acontecimentos uma meditação.

Caminha na vigília, não adormecido.

Sempre és Um com Deus.

Sempre és bem-vindo à casa.

Porque teu lar é o Meu coração e o Meu é o teu.

Somos tudo o que é, tudo o que foi e tudo o que será.

__Neale Donald Walsch__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞