sexta-feira, 21 de abril de 2017

☜♡☞..."DÁDIVAS"...☜♡☞



O rio irriga a terra antes árida,
a flor brota onde só existia o botão,
o pássaro encontra o alimento que lhe faltava.

O sorriso da criança ilumina o mundo por um instante,
o ventre aumentado indica a continuidade da vida,
a música quebra o silêncio que a solidão habitava.

A palavra faz nascer uma nova ideia,
a saudade desaparece na alegria do reencontro,
o retorno da paz faz esquecer os horrores da guerra.

O sonho perdido renasce de um olhar,
a mão anônima alimenta a boca faminta,
o brilho do sol dispersa as trevas da noite.

A vela do barco perdido desponta no horizonte,
a boca enamorada recolhe a lágrima que deslizava,
o frescor do oásis atenua o abrasante deserto.

Do coração do universo, o Pai vela por Seus filhos.
Entretanto, insistimos em não ver a luz da esperança.
Porque nos perdemos na escuridão dos nossos temores...

__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

domingo, 16 de abril de 2017

☜♡☞..."A ESSÊNCIA E A VERDADE"...☜♡☞




Tempo houve, em que busquei a Verdade.

Por ela, subi ao topo das minhas mais altas montanhas e
desci às mais profundas depressões dos meus oceanos.
Caminhei sob sol e lua, frequentei os mais diversos templos e
busquei as palavras dos homens mais santos.

Entretanto, não a consegui encontrar.

Pois a Verdade é como a luz, que ilumina os nossos caminhos;
e não como a lanterna, que apagada de nada nos vale.
Não a encontraremos nas palavras de outrem,
nem pelos caminhos do mundo.

Porque cada um fala apenas das suas próprias verdades;
como canta os seus próprios amores,
e chora as suas próprias tristezas.
E, como os amores e as tristezas, as verdades são diferentes,
para cada um de nós.

Não é sábio aquele que vos tenta ensinar as suas verdades.
E sim o homem que apenas vos fala das suas idéias e experiências,
para que possais encontrar as vossas próprias verdades.

Pois, assim como a tâmara não adoça senão a boca onde se encontra,
não pode a Verdade penetrar em vossos corações,
de onde deve nascer; para isto,
o fertilizam os vossos sorrisos e as vossas lágrimas.

Eu vos digo, portanto,
que em cada um de vós muitas verdades existem.
E que, assim como as estrelas no céu noturno,
é a reunião dessas verdades que forma a vossa essência.

E vos digo também, que não são fixas as vossas verdades.
E, como as estrelas, cintilam ou se apagam,
ao sabor das nuvens que os ventos do destino trazem à vossa caminhada.

Eis que vos apraz imaginar como imutável a vossa essência.
E, entretanto, mudamos a cada dia; assim o quer o Universo,
para que a Ele nos possamos reunir.

Pois é na mudança que reside a semente da evolução.
E, como não pode a planta abandonar o solo
onde se encontram as suas raízes,
ninguém mudará se não mudarem as suas verdades.

Buscai, pois, o vosso verdadeiro Eu.
É na sua voz, que conhecereis as vossas necessidades;
que podereis descobrir as vossas carências e o que vos sobra,
para que aos vossos irmãos possais distribuir.

Buscai a vossa essência.

E a Verdade vos encontrará.


__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

sexta-feira, 7 de abril de 2017

☜♡☞"O TEMPO DO CORAÇÃO"☜♡☞



Quantos dias são necessários para se construir uma amizade?

Em quantos anos se consolida um grande amor?

Muitas vezes imaginamos que tudo podemos cronometrar,
que o tempo é um só.

Temos a ilusão de que o tempo marcado pelo relógio pode dar conta
de todas as coisas da vida.

É verdade que os segundos,
formando minutos e compondo as horas são o cronômetro
de nossas horas de trabalho,
a referência de nossos encontros,
a contagem do iniciar e acabar de nossos compromissos.

Porém, quando a contagem fica por conta do coração,
o tempo ganha outra dimensão, e os segundos pouco significado trazem.

Quanto tempo é suficiente para se ficar ao lado de quem se ama?

Qual a duração do tempo,
quando no convívio de amigos e almas queridas a nos encherem de alegria?

Por outro lado,
por que as horas se fazem tão lentas nas dificuldades, dores e problemas?

Percebemos assim que o tempo de nossa intimidade não se mede
com os cronômetros frios e impassíveis.

Para as coisas do coração, é necessário o tempo das emoções,
e para este, não há relógio ou cronômetro capaz de cronometrá-lo.

Nestes dias de imediatismo intenso,
de velocidades medidas pelo suceder de mensagens eletrônicas e
postagens de imagens e textos na internet,
muitos nos confundimos em nossas emoções.

Achamos que o grande amor acontecerá rapidamente,
que as amizades se consolidarão de imediato,
que sentimentos que desejamos em nossa intimidade
brotarão na velocidade de alguns cliques.

Esquecemos que o mundo apenas conseguiu acelerar
as velocidades da comunicação,
da troca de informação, dos contatos intercontinentais.

Porém, nosso coração continua a processar emoções
do mesmo modo que o fez com o homem na Grécia antiga,
na Idade Média, no Iluminismo.

Para se ter um grande amor,
é necessário o seu próprio tempo.

Para que uma grande amizade se consolide,
faz-se fundamental dar a ela o seu tempo.

Porém não esse tempo dos segundos, do relógio.

É necessário o tempo da construção das emoções.
Do investimento e da consolidação dos sentimentos,
que se faz no seu próprio e incontornável tempo.

Na ansiedade de se ter tudo de imediato,
muitos abandonam relacionamentos, desiludidos,
achando que esses deveriam se fazer fáceis,
sem muitos esforços.

Tantos desistem de aprofundar sentimentos porque esses não respondem e
não se desenvolvem nas mesmas velocidades imediatas do mundo externo.

E assim procedendo,
abrem mão da preciosa oportunidade das conquistas de novas paragens
nos campos da emoção.

Grandes amores,
amizades consolidadas se fazem e se constroem sob a sombra dos embates,
das renúncias, da dedicação, da abnegação e da solidariedade.

E esses sentimentos nobres são colecionados na esteira do tempo,
através das experiências e das oportunidades.

Enquanto não nos permitirmos isso,
teremos na nossa intimidade apenas vaga ideia,
e um idealismo distante dos grandes sentimentos capazes de
preencher nossa alma.

Pensemos nisso e invistamos no tempo do coração.

__DA__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

quinta-feira, 6 de abril de 2017

☜♡☞...O CAMINHO DA FELICIDADE...☜♡☞


Deveis atentar para as pequenas coisas da vida.

Porque é delas, e não das maiores, que depende a vossa felicidade.
Como a beleza da flor é dada pela simetria e perfeição das pétalas,
e o encanto da música depende da harmonia das notas.

Mas não é assim que fazeis.
E vos desesperais,
porque os vossos recursos vos parecem parcos para
a construção da casa dos vossos sonhos;
entretanto,
um a um poderíeis adquirir os tijolos para edificá-la.

Despertai.
Pois outra forma não existe de atingir o topo da escada,
senão subir cada um dos seus degraus.
E mesmo a mais alta montanha é vencida pelo alpinista que,
passo a passo, escala as suas vertentes.

É assim que é.
E mesmo o mais sábio dos homens necessitou
assimilar isoladamente cada um dos seus conhecimentos;
como o maior dos vencedores iniciou a sua caminhada
por uma única vitória.

Guardai-vos da pressa e da ansiedade.
Como a natureza, a Vida segue o seu curso;
e não colhereis os frutos da árvore,
senão quando transcorrido o tempo necessário
para que possa germinar a pequenina semente.

Não vos preocupeis, pois,
com a duração dos vossos amores.
Cuidai, antes, de vivê-los intensamente a cada momento;
pois é assim que deles mais podereis usufruir e
evitareis o seu fim prematuro.

Nem abrigueis em vós a ânsia pelo crescimento profissional.
Buscai, sim,
desempenhar bem cada uma das tarefas que vos forem confiadas;
porque o sucesso é a consequência natural do trabalho bem feito.

Afastai de vós o medo do futuro.
Vivei cada dia a seu turno e lembrai-vos de que,
embora não vos seja dado modificar o ontem,
é em cada passo de hoje que construís o vosso amanhã.

Atentai, por isto, para as pequeninas coisas.
Porque a semente que hoje vos recusais a plantar poderia ser
a árvore de que necessitareis amanhã;
e o gesto de carinho que agora vos recusais a fazer talvez evitasse
a solidão em vosso futuro.

Atentai para o que dizeis.
Porque aquele que sem pensar distribui as suas palavras,
não se pode furtar a recebê-las de volta;
e decerto responderá pelas consequências por elas provocadas.

Atentai para os vossos pensamentos.
Porque é deles que nascem as vossas ações;
e o rio em cuja nascente se abrigue o veneno,
jamais poderá esperar que boas se tornem as suas águas.

Atentai para aqueles que vos cercam.
Porque o homem que pedras atira ao seu redor,
não pode esperar que delas venha a brotar o jardim da amizade;
e quem oferece o desprezo, em troca receberá a solidão.

Atentai para as pequeninas coisas da vida.

Porque é assim que podereis, talvez,
encontrar a felicidade.


__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

sábado, 1 de abril de 2017

☜♡☞GOTAS PELO CAMINHO☜♡☞


Afastai de vós o orgulho.
E desfrutareis da paz.
Pois a inquietação não visita o homem que tem consciência das suas limitações;
como não se frustra o pássaro, por não nadar como os peixes.

Abandonai os preconceitos.
E descobrireis um novo mundo; onde os homens não são iguais,
porém cada um tem o direito de ser como é e todos se dão as mãos,
como irmãos que caminham sobre a Terra.

Vencei a tentação de mentir.
E nada mais tereis a esconder,
mas podereis revelar-vos como realmente sois;
e conquistareis a confiança dos vossos irmãos,
que acreditarão ao ouvir as vossas palavras.

Combatei os vossos medos.
Pois a nada deveis temer tanto quanto ao próprio medo,
que vos tolhe as asas e
agrilhoa a uma falsa segurança;
coragem não é ignorar o medo, mas seguir em frente apesar dele.

Sede leais aos vossos amigos.
Porque neles necessitais confiar;
e como confiareis em alguém que em vós não possa confiar?
Acaso vos atreveríeis a beber de um rio cujas águas
vós mesmos tenhais envenenado?

Descartai a intolerância.
Pois, longe de acrescentar-vos algo,
ela é como uma venda sobre os vossos olhos.
E devereis retirá-la, para que novas ideias possam chegar a vós e
alargar os vossos horizontes.

Furtai-vos à inveja.
Pois o homem mais feliz não é aquele que mais possui,
mas o que melhor aproveita a sua noite de sono.
Como o melhor poço não é o mais profundo, mas o de água mais pura.

Negai-vos ao pessimismo.
Porque ele não vos indicará um caminho,
mas fará com que todos pareçam fechados para vós.
E é apenas seguindo em frente,
que podereis deixar para trás os vossos problemas.

Buscai o amor.
Pois é ele que vos pode mostrar o sentido da Vida;
e de nada mais precisareis,
se o encontrardes em vós.
O amor será o vosso guia e andará convosco, por toda a jornada.

Até o Coração do Universo.

__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞