quarta-feira, 16 de novembro de 2016

☜♡☞..."VERDADES E APARÊNCIAS"...☜♡☞



Por que tanto ligais às aparências?

Acreditais que a capa de um livro possa ser
mais importante que o seu conteúdo?
Que a flor mais colorida seja mais perfumada?
Ou que o fruto mais apetitoso tenha o melhor sabor?

Por que vos importais tanto com o que mostrais e
tão pouco com o que sentis?
É tão importante mostrar que amais,
que muitas vezes vos descuidais de sentir o amor em vós?

Adornais as vossas casas e os vossos corpos.
Atentai às vossas roupas, ao vosso peso,
às vossas medidas e aos vossos carros.
Cuidais, porém, de tornar mais belas as vossas almas?

Algum de vós atenta aos seus pensamentos e aos seus sentimentos?
Algum de vós procura mostrar-se como realmente é,
e não como acredita que os outros julgam que ele deva ser?

Atentai para esta pergunta, que parece simples.
Se tiverdes a coragem de olhar bem fundo em vós,
vereis quantas vezes vos tendes contrariado,
para atender a expectativas alheias.

Escolheis as vossas roupas não pelo conforto que proporcionam,
mas pela admiração que despertam naqueles que vos cercam.
Como se fosse melhor parecer bem, do que estar bem.

E este não deve ser o vosso cuidado.
De nada vos adianta o que possais aparentar,
porque o vosso verdadeiro Eu conhece as vossas verdades,
e é com ele que precisais conviver.

De que serve ao viajante no deserto o cantil ricamente
adornado que carrega à cintura,
se dentro dele não estiver a água humilde e
fresca que mitiga a sua sede e lhe sustenta a vida?

De que adiantam à rica matrona as roupas e
joias valiosas que lhe cobrem o corpo,
se à noite as lágrimas dolorosas da solidão em que vive
ensopam o travesseiro macio onde se deita?

De que valem as belas coroas que ornam as urnas funerárias,
se em nada aliviam a dor daqueles que deploram a perda
de um ente querido e a saudade que chora em suas almas?

Não; decerto,
não é nas aparências que encontrareis solução
para vossos problemas,
nem remédio para os vossos males.
Não vos preocupeis em mostrar, mas em ser; ou nada sereis.

Escolheis vós mesmos os vossos caminhos.
Que não vos inquietem as opiniões alheias,
pois sois vós que devereis percorrê-los;
são vossos os pés que nas suas pedras se magoarão.

Esquecei, pois, as aparências.
Não vos deixeis conduzir pelas opiniões alheias,
mas cuideis de ouvir o vosso coração e a vossa alma,
pois através deles é que vos fala a voz do Universo.

Sede fiéis ao vosso verdadeiro Eu.

__HASSAN__

☜♡☞...☜♡☞

☜♡☞...☜♡☞

Nenhum comentário:

Postar um comentário