terça-feira, 28 de dezembro de 2010

"CATTLÉYA"




"CATTLÉYA"

Eu queria ser um anjo
A cavalgar nas asas do tempo
Na brisa do teu sentimento...


Eu queria ser um rio
A serpear entre as montanhas
Banhar com águas torrentes
Teu corpo sedutor...


Eu queria ser o vento
Que nas tardes quentes de verão
Ovante sussurrasse em teus ouvidos!
O lamento apaixonante do meu coração...


Eu queria ser uma flor de Cattléya
Que te inebriasse com fragrância exótica
Alforriando desejos secretos de amor...


Eu queria ser...
(da)
Carinhosamente,
Ninna Angel ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário